Trabalho Temporário

O trabalho ou emprego temporário é uma situação face ao emprego relativamente recente e que coloca um grande volume de trabalhadores fora do paradigma “tradicional” do “emprego para toda a vida”.

Apesar das desvantagens mais sonantes deste tipo de trabalho, que por muitos é considerada uma situação precária e instável, existem também vantagens que se poderão traduzir em novas oportunidades nesta época de mudança constante em que vivemos.

Vantagens e desvantagens do trabalho temporário

De uma forma simplista, as empresas recorrem ao trabalho temporário para evitar custos fixos e excesso de mão-de-obra em períodos de menor produção. Isto porque na actualidade as empresas visam “produzir o que se vende” (enfoque no marketing) e não “produzir para vender” (enfoque na produção) ou “vender o que se produz” (enfoque nas vendas).

Assim, as empresas necessitam de um volume de mão-de-obra variável ao longo do ano e com capacidades distintas para dar resposta ao mercado em que actuam.

Para o mercado de trabalho, em termos de oferta, isto traduz-se numa situação a primeira vista desagradável pois condiciona a vida de todos os trabalhadores que ao longo dos tempos foram habituados as ideias do “emprego para toda a vida” e da “estabilidade no emprego”.

Mas esta é uma realidade inexistente nos tempos de hoje e na verdade nunca existiu totalmente! Porque? Um exemplo:

Quantos casos se conhecem de trabalhadores que dedicaram 15, 20, 30 ou mais anos de trabalho a uma qualquer empresa industrial, a receber na maior parte da vezes o ordenado mínimo, e agora, em pleno século XXI, vem o seu “emprego para toda a vida” perdido, a falsa “estabilidade” derrubada, e na pior das hipóteses sem qualquer indemnização em tempo útil (talvez recebam algo, assim que o processo saia do tribunal – daqui a 5, 10 ou 15 anos).

Encarar o trabalho temporário como uma oportunidade e não com pessimismo e como uma ameaça as nossas vidas é uma condição fundamental para todos os actuais desempregados – sejam eles formados ou não formados, tenham eles 20, 40 ou mais anos.

Através do trabalho temporário todos os interessados:

  • podem obter uma melhor formação, quer em quantidade quer em qualidade;
  • O trabalho temporário desempenha um papel muito interessante na formação dos actuais trabalhadores pois permite ter mais experiências de trabalho num curto espaço de tempo (ao contrário de 1 experiência de trabalho em 20 ou 30 anos).
  • tem mais possibilidades para encontrar um posto de trabalho que melhor se adeque as suas qualificações e capacidades;
  • enriquecem o seu curriculum e podem aceder mais facilmente a postos de trabalho permanentes, visto que as suas aptidões e qualificações se tornam conhecidas de um maior número de empresas;
  • podem experimentar e recusar com facilidade o emprego caso não se sintam satisfeitos;
  • podem se colocar no papel de “patrões de si mesmos” e escolher o que melhor se adequa aos seus interesses;
  • melhoram as suas capacidades de intervenção no mercado de trabalho, adquiridas pelas múltiplas experiências;
  • podem usufruir de muitas outras vantagens anexas e decorrentes das anteriores.

O trabalhador temporário é um trabalhador moderno, optimista e está preparado para novas experiências.

O trabalhador temporário atual é o empregador do futuro.

Concentre-se no enriquecimento das suas capacidades, planeie a sua procura de emprego e usufrua de todo o universo de possibilidades que o trabalho ou emprego temporário lhe permitem.

RECOMENDAMOS TAMBÉM...

CONCORDA OU DISCORDA? ESCREVA O SEU COMENTÁRIO...