declarar-irs

O ministério das finanças de Portugal publicou as tão esperadas tabelas de retenção na fonte sobre o rendimento de pessoas singulares (IRS) para o ano de 2013.

Com estas tabelas os trabalhadores vão saber as percentagens de desconto e podem assim simular os novos valores de desconto para o IRS no ano de 2013.

Estas tabelas de retenção na fonte refletem o enorme esforço do povo Português em matéria de impostos previsto no Orçamento do Estado de 2013.

O número de escalões de IRS foi reduzido de 8 para 5 e foi criada uma taxa adicional de solidariedade de 5% para rendimentos superiores a 250.000 euros.

A taxa já existente de 2,5%, vai ser aplicada aos rendimentos superiores a 80.000 euros.

Haverá ainda uma sobretaxa de 3,5% para todos os escalões tributados e para o último escalão uma taxa adicional de mais 2,5%.

Os novos escalões de IRS para 2013 têm associadas as seguintes taxas de IRS

– Inferior a 7 mil euros: 14,5%
– Entre os 7 mil e os 20 mil euros: 28,5%
– Entre os 20 mil e os 40 mil euros: 37%
– Entre os 40 mil e os 80 mil euros: 45%
– Superior a 80 mil euros: 48%

Com estas medidas, a taxa média efectiva de IRS deverá passar de 9,8% para 13,2%, um aumento superior a 30%.

O último escalão de IRS 2013, por exemplo, sobe para 54%.

Consulte aqui as novas tabelas de retenção IRS 2013.

DEIXE UMA RESPOSTA